Filme: Frozen – Uma Aventura Congelante

Estava super empolgada para a estréia deste filme! Adoro as princesas Disney e Frozen traz duas delas! 🙂 Fui com meu noivo, eramos uns dos poucos adultos presentes em uma das sessões 3D no dia da estréia.

frozen

Sinopse: Acompanhada por um alpinista, a jovem Anna parte numa jornada por perigosas montanhas de gelo na esperança de encontrar a lendária Rainha da Neve e acabar com a terrível maldição de inverno eterno que assola o reino. Fonte: Itaú Cinemas

Não tenho problema em assistir desenhos dublados, mas quando soube que Kristen Bell seria a voz de uma das princesas na versão americana fiquei triste de não ter assistido em inglês. Na versão brasileira Fábio Porchat dá voz ao divertidíssimo boneco de neve.

Os personagens são extremamente carismáticos, com personalidades bem distintas entre si, porém todos ótimos e amáveis. As duas princesas Anna e Elsa são lindas e queridas e o boneco de neve Olaf é muito engraçado! 😀

Achei incrível o fato de apesar de o filme incluir o amor romântico, ele não é o foco do filme, que traz como ponto central o amor entre as irmãs.

Também achei, dentro do contexto, o roteiro muito mais realista do que costumamos ver nos filmes disney, o que ao meu ver deixou o filme muito mais interessante.

Amei o filme mesmo, normalmente não costumo assistir um filme mais de uma vez, mas para este abrirei uma exceção com certeza! Super recomendo! 😀

Obs: Quero já um vestido/cabelo/make igual o da Elsa. ^^

Continue reading

Filme: Jogos Vorazes – Em Chamas

Começo este post já esclarecendo que eu não li os livros então tudo escrito aqui está livre de qualquer observação comparativa entre os dois. 🙂

Assisti o primeiro filme e gostei bastante do tema e da história, mas os personagens principais não me convenceram. Achei eles muito fraquinhos, assim como as interpretações, mas como a história me interessou voltei para ver o segundo filme da saga logo na semana de estréia.

emchamas

Sinopse: Este é o segundo volume da trilogia Jogos Vorazes, baseada nos romances de Suzanne Collins. A saga relata a aventura de Katniss, jovem escolhida para participar aos “jogos vorazes”, espécie de reality show em que um adolescente de cada distrito de Panem, considerado como “tributo”, deve lutar com os demais até que apenas um saia vivo. Neste segundo episódio da série, após a afronta de Katniss à organização dos jogos, ela deverá enfrentar a forte represália do governo local, lutando não apenas por sua vida, mas por toda a população de Panem. Fonte: Itaú Cinemas

Posso dizer que “Em Chamas” se redimiu por todo o desânimo que o primeiro filme havia me causado. O filme é muito bom! Aventura, ação, drama, romance, um filme completo!

O principal para mim, foi que consegui enxergar profundidade nos personagens e entender suas histórias e personalidades. Todo o problema que eu tinha com algumas atuações que não me convenciam não existiu neste filme, as atuações foram boas e o roteiro em si, foi ainda bem melhor do que o do primeiro filme.

Elizabeth Banks, Jennifer Lawrence, Lenny Kravitz, Liam Hemsworth e Woody Harrelson entre outros estrelaram uma história que ao meu ver não deixou margem para defeitos, entreteu durante todos os minutos e no final ainda deixou aquele gostinho de quero mais.E teremos mais, mas provavelmente o próximo filme saia só daqui a um ano, então teremos de esperar 🙁 .

Quem ainda não assistiu Em Chamas, assista! Mesmo se você esteve desanimado com a primeira produção, pois assim como eu, você provavelmente também mudará de idéia. 🙂

Continue reading

Filme: Carrie – A Estranha

Quando eu era criança/pré-adolescente eu adorava assistir filmes de terror/suspense com meus pais. Iamos até a locadora na sexta feira ou no sábado pela manhã, alugavamos quatro filmes, o que nos dava direito a mais um e ainda a possibilidade de devolve-los apenas na terça-feira. Ainda passavamos no mercado aonde comprariamos uns pães quentinhos, refrigerante e alguma guloseima, chegando em casa colocavamos alguns colchões no chão da sala e assistiamos todas aquelas fitas (sem esquecer de rebobinar depois de assistir, claro :P).

Atualmente eu assisto dramas, comédias e romances, porém naquela época eu assisti a versão de 1999 de Carrie – A Estranha, então quando soube que sairia o remake bateu uma nostalgia e não pude deixar de ver.

carrie

Sinopse: Carrie retrata um grande desastre ocorrido na cidade americana de Chamberlain, Maine, destruída pela jovem Carietta White. Nos anos anteriores à tragédia, a adolescente foi oprimida pela sua mãe, Margaret, uma fanática religiosa. Além dos maus tratos em casa, Carrie também sofria com o abuso dos colegas de escola, que nunca compreenderam sua aparência, nem seu comportamento. Um dia, quando a jovem menstrua pela primeira, ela se desespera e acredita esta morrendo, por nunca ter conversado sobre o tema em casa. Mais uma vez, ela é ridicularizada pelas garotas do colégio. Aos poucos, ela descobre que possui estranhos poderes telecinéticos, que se manifestam durante sua festa de formatura, quando os jovens mais populares da escola humilham Carrie diante de todos. Fonte: Itaú Cinemas

Eu não costumo guardar na memória muita coisa dos filmes que assisto, normalmente lembro apenas algum ator, qual o sentimento que aquele filme me causou e se era bom ou ruim. Quanto a Carrie de 1999, eu guardei apenas que era bom e um pouco sanguinário.

Ao meu ver a Carrie de 2013 não tem nada de terror, pelo contrário, é um drama com uma pitada de ficção cientifica. As cenas de Carrie com sua mãe são ótimas e diria até que são a parte mais assustadora do filme onde Carrie sofre abusos psicológicos de uma mãe insana e fanática.

As cenas da escola tiveram toda uma adptação a fase smartphone/internet que vivemos. Os personagens foram caracterizados de forma real, sem caricaturas. Ninguém é de todo mal ou bom, fica aberto o fato de que todos são humanos com mais ou menos senso de moral, que agem, mas também podem se arrepender.

Julianne Moore interpretou maravilhosamente a insana mãe de Carrie e em um geral também gostei da interpretação de Chloë Grace Moretz, porém acredito que nas cenas em que ela usa seu poder suas expressões e gestos ficaram muito forçados.

Façam pipoca e assistam o filme! 🙂

Continue reading

Filme: A Vida Secreta de Walter Mitty

A Vida Secreta de Walter Mitty foi o último filme que assisti no cinema em 2013. Foram aproximadamente duas horinhas de descanso em um dia inteiro de desgastantes compras de Natal em um shopping lotado (sim, acabei deixando tudo para a última hora para variar um pouquinho :P).

avidasecretadewaltermitty

Sinopse: Walter Mitty (Ben Stiller) é o gerente de uma loja de produtos fotográficos. Ele é um homem tímido, levando uma vida simples, perdido em seus sonhos. Quando um negativo desaparece, Walter é obrigado a embarcar em uma verdadeira aventura. Fonte: Itaú Cinemas

Meus sentimentos sobre este filme são um pouco conflitantes, por um lado adorei a história e a proposta, porém por outro achei que o filme deixou um pouquinho a desejar.

A sinopse o retrata como um homem tímido, mas eu não interpretei por esta forma. Vi em Walter Mitty uma pessoa não tímida, mas sim uma pessoa que foi “engolida” pelo sistema, pela rotina, que não teve boas oportunidades, ficou exausta e desistiu de tentar ter algum sucesso na vida. Sendo assim, fugia para seus pensamentos, onde utilizava de sua imaginação para criar respostas a situações e realizar seus sonhos, sem ter ali, nenhuma limitação.

Gostei do curso que a história seguiu e do personagem principal, que foi muito bem interpretado por Ben Stiller, é possível entrar na pele do personagem e sentir-se naquelas situações. Outro ótimo personagem é interpretado por Sean Penn, que mesmo com poucas cenas consegue enviar uma mensagem interessante

A única coisa que não gostei no filme é que achei alguns dos “pensamentos” de Walter muito forçados, talvez se fossem mais sutis teriam um melhor efeito.

Aconselho que assistam o filme, que com certeza renderá uma boa reflexão e ainda de quebra entreterá com uma ótima trilha sonora! 🙂

Continue reading

Filme: Aposta Máxima

Em 2013 eu assisti muitos filmes no cinema e pretendo continuar com esta assiduídade agora neste ano novo. 🙂

Vamos então à primeira resenha de filme de 2014! Apesar de o post sair só agora em 2014, assisti este filme em 2013, ainda no cinema, ou seja, faz um bom tempinho.

apostamaxima

Sinopse: Um poderoso empresário, dono de um negócio de jogos ilícitos online, começa a ter problemas com um garoto jovem e talentoso que trabalha como seu braço direito. Fonte: Itaú Cinemas

Desde que vi o poster deste filme fiquei com vontade de assisti-lo e talvez isto tenha elevado um pouco as minhas expectativas que não foram cumpridas. 🙁

A história não é nenhuma novidade e o filme em si também não surpreende. Posso dizer que realmente a única coisa boa mesmo do filme é a atuação de Justin Timberlake e também a presença de Ben Affleck, de resto sobra apenas uma história nada inovadora.

É um filme que não tem nada demais, não é ruim, mas também não é bom. Serve para passatempo, mas não assista esperando algo excepcional.

Continue reading

Filme: A Família

Já faz um tempinho que assisti o filme A Família, assisti no cinema em um daqueles dias em que não está estreiando nada muito legal então acabamos escolhendo o filme pelos atores que o estrelam.

afamilia

Sinopse: Após entrar para o programa de proteção à testemunha, uma família americana ligada à máfia é transferida para a França. De início eles se adaptam à nova vida, mas aos poucos os velhos hábitos da máfia voltam à tona e eles passam a resolver os problemas que surgem a seu modo. Fonte: Itaú Cinemas

Fui completamente sem expectativas para assistir este filme e talvez por isto tenha me surpreendido de forma positiva. Não que o filme seja maravilhoso, mas ele entretém de forma leve e despretensiosa, é divertido de assistir e a sessão não se tornou cansativa em nenhum momento.

Como parte do elenco principal temos Michelle Pfeiffer, Robert De Niro e Tommy Lee Jones, nomes que despensam qualquer apresentação. Ainda temos no elenco Dianna Agron para alegrar os fãs de Glee que já estão saudosos de sua presença nas telinhas.

Os personagens e cenas são caricatos, porém não muito forçados. O filme é pacote completo contendo comédia, ação, drama. Não é o tipo de filme que eu normalmente veria no cinema e nem indico para tal, mas com certeza vale assistir na televisão com a família.

Não é um filme que vá mudar a sua vida, mas com certeza vai provocar algumas risadas e melhorar alguma tarde ou noite. 🙂

Continue reading

Filme: Rush

Rush é outro filme que assisti já faz um tempinho, vi na mesma noite que assisti Dose Dupla.

Rush

Sinopse: Anos 1970. O mundo sexy e glamouroso da Fórmula 1 é mobilizado principalmente pela rivalidade existente entre os pilotos Niki Lauda e James Hunt. Eles possuíam características bem distintas: enquanto Lauda era metódico e brilhante, Blunt adotava um estilo mais despojado, típico de um playboy. A disputa entre os dois chegou ao seu auge em 1976, quando ambos correram vários riscos dentro do cockpit para que pudesse se sagrar campeão mundial de Fórmula 1. Fonte: Itaú Cinemas

O filme é baseado em uma história real e conta a história de rívalidade entre dois pilotos, o austríaco Niki Lauda e o inglês James Hunt. Não acompanho a Fórmula 1, sendo que o que me levou a assistir o filme foram os atores.

Não conhecia a história real e não tenho nenhum apreço por corridas, mas mesmo assim gostei do filme. A história é interessante e foi bem produzida, contando com diversas cenas e frases que proporcionam momentos de reflexão sobre a vida. Acho ótimo quando assisto um filme e consigo refletir, aprender algo ou ver as coisas por um ponto de vista diferente, com Rush isto foi possível.

Outro fator que faz o filme muito bom é que temos a presença de ninguém menos que Thor Chris Hemsworth interpretando James Hunt e também de Olivia Wilde (para os saudosos de House 🙂 ).

Continue reading

Filme: O Tempo e o Vento

Fazem mais de 2 meses que eu assisti a este filme, queria muito falar sobre ele, mas só agora consegui um tempinho. Assisti ele no dia 20 de setembro, dia da estréia aqui no Rio Grande do Sul.

Por conta da história se passar em terras gaúchas o filme estreiou uma semana antes aqui no RS para coincidir com o feriado de 20 de setembro, Revolução Farroupilha.

O Tempo e o Vento

Sinopse: Rio Grande do Sul, final do século XIX. Em meio às guerras e movimentos separatistas, duas famílias gaúchas mantêm uma rivalidade acirrada. Adaptação do livro “O Continente”, escrito por Érico Veríssimo. Fonte: Itaú Cinemas

Posso dizer que adorei o filme. Achei muito bem produzido. A história, mesmo sendo longa, foi contada de forma leve e com um rítimo que não deixa desanimar de assistir como as vezes acontece com filmes semelhantes.

Li os livros há muito tempo atrás, quando estava na 6ª série, mas mesmo fazendo tanto tempo, muitas das cenas me lembraram do que li.

Também adorei as escolhas dos atores e as atuações. Para mim o Thiago Lacerda sempre foi a personificação do Capitão Rodrigo, Marjorie Estiano e Fernanda Montenegro foram ótimas como Bibiana, Cris Pereira atuou tão bem e foi tão bem caracterizado que só descobri que ele estava no filme depois :O . A única que me decepcionou um pouco foi a Cléo Pires, não pela caracterização fisica, mas pela atuação, não sei explicar, mas não conseguir ver a Ana Terra ali naquelas cenas.

Em geral gostei muito do filme, aconselho a assistirem, principalmente quem for gaúcho ou tiver alguma relação de carinho com o estado. 🙂

Continue reading

Filme: Jobs

Durante minha adolescencia assisti diversas vezes o filme Piratas do Vale do Silício. Assisti em aulas de cursos de informática que fiz e sempre fiquei fascinada em ter uma visão, mesmo que por cima, de como a tecnologia com as quais temos contato hoje tiveram um inicio. Esta motivação me levou a assistir Jobs no cinema poucos dias depois de sua estréia.

jOBS

Sinopse: Cinebiografia sobre Steve Jobs, enfocando a época de sua vida de quando era hippie até a fundação da Apple, que fez com que fosse considerado um dos empresários mais criativos da época. Fonte: Itaú Cinemas

Em Piratas do Vale Silício é possível ter uma visão geral do cenário e dos principais personagens desta história real, já em Jobs o foco é Steve, a Apple e as pessoas que ajudaram no seu surgimento.

O filme mostra Steve Jobs desde os tempos de faculdade até sua última década de vida. É retratado seu lado sonhador, visionário, ambicioso e também sua dificuldade em seguir regras e conviver com outras pessoas. É interessante conhecer e visualizar todas estas características, conhecer as demais pessoas que tiveram um papel importante no inicio da Apple e também visualizar o crescimento da empresa até chegar no que é hoje.

Steve Jobs é interpretado por Ashton Kutcher, que fez muito bem este papel. Assisto ele em Two and a Half Men e a diferença é absurda. Não a diferença do personagem, pois isto é óbvio, mas sim o jeito de falar e andar, cada movimento parece ter sido pensado com muito cuidado. A primeira cena do filme, mostra Jobs já mais velho e enquanto não escutei a voz do Ashton jurava que eles tivessem colocado uma cena real do Steve Jobs para dar inicio a produção. A interpretação foi incrível!

Indico assistirem ao filme, é história, vale muito a pena conhecer e absorver. E para quem ainda não assistiu Piratas do Vale do Silício fica a dica também. 😉

Continue reading

Filme: Elysium

Acho que sou uma das poucas pessoas no Brasil que nunca assistiu Tropa de Elite, mas mesmo sem ter assistido escuitei muitas pessoas falando bem da atuação do Wagner Moura. Logo que soube da estréia de Elysium fiquei interessada em assistir para conferir o que tanto falavam.

Elysium

Sinopse: Em 2159, o mundo é dividido entre dois grupos: o primeiro, riquíssimo, mora na estação espacial Elysium, enquanto o segundo, pobre, vive na Terra, repleta de pessoas e em grande decadência. Por um lado, a secretária do governo Rhodes faz de tudo para preservar o estilo de vida luxuoso de Elysium, por outro, um pobre cidadão da Terra tenta um plano ousado para trazer de volta a igualdade entre as pessoas. Fonte: Itaú Cinemas

Elysium é uma produção de ficção norte americana, que como diversos outros filmes mostra a terra em um cenário futurista-apocaliptico. O roteiro em si é mais do mesmo, ou seja, é um bom filme de ficção-ação, porém não é nada surpreendente.

Por outro lado, a escolha do elenco foi ótima. Matt Damon como personagem principal, Jodie Foster ótima como a fria secretária de defesa e ainda a impecável atuação de Wagner Moura e da também brasileira Alice Braga.

Eu sou dessas pessoas que ainda tem um preconceito contra produções brasileiras, sinto que as vezes acabo associando um filme ruim aos atores que dele fizeram parte. Elysium foi um exemplo de que nossos atores são ótimos e que as cenas forçadas e caricatas que muitas vezes assistimos talvez não sejam má atuação afinal e sim apenas alguém “seguindo ordens” de alguém que não tem idéias tão boas no final das contas. 😉

Continue reading